Ditados que não estão na Bíblia

Ditados que não estão na bíblia são ouvidos constantemente em nosso cotidiano. Você por certo já ouviu algum deles ou, quem sabe, até já falou.

Pregadores e líderes religiosos são grandes influenciadores daqueles que estão ao seu redor e por isso as pessoas acreditam piamente no que eles falam, sem conferir se há coerência.

Alguns ditados até faz algum sentido, mas o problema, para os cristãos que tem apreço pela Bíblia, é repassar estes ditos como se eles estivessem nela.

Muitos ainda não sabem destes ditados que não estão na Bíblia, mas nós os relacionamos para que você possa ficar atento e também alertá-los.

5 ditados que não estão na Bíblia

“O cair é do homem, mas o levantar é de Deus”.

Cremos, sem dúvidas, que Deus é onipotente para levantar qualquer uma de suas criaturas. Entretanto, esta não é uma máxima bíblica.

Em vários momentos, vários homens foram convidados a se levantarem da posição em que se encontravam, caídos, para que assim Deus pudesse realizar seus propósitos.

Foi assim com o jovem na parábola do filho pródigo, em Lucas 15. Ele estava caído e tomou a decisão de ir ao encontro do Pai, que o esperava.

“Quem não vem pelo amor, vem pela dor”.

Que a dor e o sofrimento podem ser considerados instrumentos para que o homem se achegue à Deus é inegável. Porém, esta expressão não pode, também, ser considerada regra.

Deus tem propósitos especiais para cada um de seus filhos e, durante o cumprimento deles, podem experimentar diversas coisas, viver diversas situações.

“Deus tarda mas não falha”.

Nós e Deus não medimos o tempo da mesma forma. Temos relógio para ter a referência da passagem das horas, dias, semanas, meses, anos e por aí vai.

Por mais que esperemos vários anos para ter a resposta de algo que precisamos, Deus não falha, mas também não tarda.

A resposta d’Ele chega no tempo devido, sem atrasos. Foi assim quando a irmã de Lázaro disse “já é de 4 dias”, “se estivesse aqui, meu irmão não teria morrido”. Naquela ocasião, Jesus não tinha chegado tarde!

“O que começa errado termina errado”.

Este é um pensamento, de certa forma, até pessimista. E ele não poderia estar na Bíblia, pois contraria a essência dela.

A Bíblia conta história de pessoas que começaram da forma correta, servindo à Deus, mas terminaram na idolatria.

E, o contrário também aconteceu, de pessoas que estavam em caminhos tortuosos passarem a caminhar no caminho direito, que é Jesus.

Isso é conversão e, conversão é uma mudança de trajeto, justamente, do que estava errado. Há esperança para o que começa errado: Jesus!

“O dinheiro é a raiz de todos os males”.

Este é um “semi-versículo”, porque a Bíblia diz que “O AMOR ao dinheiro é a raiz de todos os males.

O dinheiro, em si, não é a raiz de todos os males. Tem diferença, certo?

Comente abaixo quais são outros ditados que não estão na Bíblia que ainda andam falando por aí.

O que achou do artigo?