Jesus ensinou fugir

Jesus ensinou fugir é mais um artigo da série “Jesus ensinou”, da Louvor Real, que traz reflexões práticas sobre os ensinamentos de Jesus.

Jesus ensinou fugir

Em dados momentos e circunstâncias, para que se cumpra o projeto de Deus em nossas vidas, é necessário fugir. Foi assim com Jesus, até o dia em que Ele deveria, em chegado o tempo de Deus, se entregar à Cruz.

Antes disso, deste o início de Sua vida como homem, Ele precisou fugir, para que não fosse morto. Na época do nascimento de Jesus, Herodes comandava uma matança de inocentes e Jesus também seria morto.

Mas, como os servos de Deus (e não existe maior exemplo de servo do que Jesus) são previamente avisados, um anjo apareceu à José carpinteiro em sonho, dizendo:

“Levanta-te, e toma o menino e sua mãe, e foge para o Egito, e demora-te lá até que eu te diga, porque Herodes há de procurar o menino para o matar”. (Mateus 2:13).

Em outro momento, já em seu ministério, ao instruir os discípulos, disse: “Quando, pois, vos perseguirem nesta cidade, fugi para outra; porque em verdade vos digo que não acabareis de percorrer as cidades de Israel sem que venha o Filho do Homem”.

É, este ato de fugir, então, a garantia da permanência na vontade de Deus, ou seja, fugir da aparência do mal, ou de males, vejamos o que o apóstolo Paulo escreveu:

“Fugi da prostituição…” I Corintios 6:18

“… fugi da idolatria” I Coríntios 10:14

“Porque o amor do dinheiro é a raiz de toda espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé e se transpassaram a si mesmos com muitas dores. Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas e segue a justiça…” I Timóteo 6:10-11

Portanto, que o Espírito Santo nos conceda discernimento para:

  • Como Moisés, fugir dos Faraós dos nossos dias, estejam eles onde estiverem; (Êxodo 2:15)
  • E, como escreveu o profeta Jeremias, no capítulo 6, versículo 1, que esta fuga seja para nossa salvação, por causa do grande mal que nos espreita; (Jeremias 6:1)

Jesus profetizou na sinagoga, falando de forma diferente à que falavam os escribas, e por isso, por estarem pautados na Lei escrita do jubileu (o ano do Senhor), não se deram conta de que em Jesus podemos viver diariamente um jubileu (júbilo, gozo).

Ele profetizou e, para que não o matassem, passou por entre a multidão e fugiu!

Se ainda não é chegado o momento de se cumprir a vontade de Deus em nossas vidas, como Jesus ensinou, é necessário fugir pra não morrer!

Deus o abençoe!

Se desejar, compartilhe este conteúdo e utilize a #jesusensinou nas redes sociais para que outros leiam.

O que achou do artigo?